sábado, 14 de maio de 2011

Carpools


Opa, o tempo realmente está voando, percebi isso ao ver que já se passaram 15 dias desde a última vez que atualizei o blog. No mais, segue tudo bem, com a mesma rotina de fisioterapia no Project. A novidade ficou por conta do meu primo, que morava em Porto Alegre e chegou nesta semana. Ele veio para estudar e continuará por aqui depois de julho, mês em que está marcada a minha passagem de volta para o Brasil.

Aliás, na última quarta-feira (11), fomos até Los Angeles busca-lo no aeroporto e mais uma vez aproveitei a oportunidade para dar umas voltas e conhecer um pouco mais da cidade. Assim como em San Diego, e em todas as demais cidades em que já visitei, a acessibilidade é realmente impressionante. Até hoje, não encontrei nenhuma rua, restaurante ou qualquer estabelecimento que não tenha acesso para deficientes. Fico na expectativa para ver o dia em que será assim em todas as cidades do Brasil.

Por falar em diferenças, aqui nos Estados Unidos é comum, nas freeways e grandes rodovias, ter uma faixa dedicada para os veículos que estão com duas ou mais pessoas dentro do carro. Até ai tudo bem, se não me engano em algumas cidades do Brasil também existe isso. Mas o que chamou a atenção foi o respeito. Aqui, diferente do Brasil, as pessoas respeitam, independente de ter ou não engarrafamento nas demais faixas. No vídeo abaixo da para comprovar o comportamento dos motoristas. (Não reparem a tremedeira, afinal a filmagem foi feita com o carro em movimento e por um tetraplégico, rs)


video

Existem pessoas que não respeitam? Claro que sim, tanto aqui quanto em qualquer outro lugar do mundo. Para esses, a multa mínima fica em $341. Mas até hoje, nos Estados Unidos, ainda não me deparei com ninguém desrespeitando esta lei

"You can not be good enough for everybody, but you will always be the best for the one who deserves you."

2 comentários:

Hugo Borin disse...

Tia Solange pilotando nessa sonzera,botei feeeeee ! Abracos Hugo

Nega, disse...

engarrafamento da pohha!