domingo, 16 de maio de 2010

Boa notícia

Olá, semana começando e com novidades. Na última sexta-feira recebi a confirmação do Project Walk sobre a minha ida pra lá no mês de setembro. Agora é, novamente voltar todas as forças pra campanha e conseguir arrecadar o que falta, acredito que em breve vamos conseguir chegar nos 180 dias. Portanto se vc tem um blog, twitter, orkut e puder passar adiante e divulgar o Bora, Fabito já será uma grande ajuda.

No sábado, fui assistir Os Melhores do Mundo e aproveitei para agradecer o apoio na divulgação e na venda das camisetas, muito obrigado. Caso alguém esteja disposto a ajudar a vender é só falar, ainda temos bastante aqui em casa, de todos os modelos e tamanhos.

Sobre o final da novela, algumas pessoas não entenderam quando respondi que gostaria que a personagem Luciana não voltasse a andar. Não sou pessimista e nem desejo que todos que estão nessa situação não voltem a andar, muito pelo contrário. Apenas desejei que ela continuasse na cadeira, justamente pra demonstrar a realidade. Pois apesar de ser totalmente possível, é bastante difícil e lenta a recuperação. Sendo assim, nada mais justo que mostrar que apesar de estar numa cadeira de rodas, é possível levar uma vida normal, como qualquer outra pessoa.

Aí você pode se perguntar o pq então de eu tanto querer participar do Project, já que é possível viver na cadeira. Meu maior sonho é voltar a andar, seja com o auxílio de uma bengala, do andador, de qualquer forma. Mas enquanto não realizo este sonho, pretendo evoluir, melhorar outras funções, como por exemplo fortalecer meus braços, mãos, meu equilíbrio, tudo para que mesmo sem andar, eu possa ter mais independência e assim quem sabe poder fazer as transferêcias da cama pra cadeira sozinho, voltar a trabalhar, entre outras coisas. Tudo visando cada vez menos depender do auxílio dos outros.

E se Deus quiser e com a ajuda de todos, em breve conseguirei alcançar esse objetivo =]

Clique na logo abaixo para assistir o vídeo da minha história.

2 comentários:

Anônimo disse...

oiii

patricia disse...

Concordo plenamente com vc. Acredito que o final dela mostrou a realidade.

Força.

Patricia