quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

Os maiores traíras


Aproveitando a “bola nas costas”, perdão pelo trocadilho, que Ronaldo Fenômeno deu no Flamengo ao se transeferir para o Corinthians, o jornal espanhol Marca fez uma lista com as maiores traições da história do futebol mundial.


O jornal pesquisou apenas as transferências diretas, ou seja de um rival para o outro.


Figo: do Barcelona para o Real Madrid
Roberto Baggio: da Fiorentina para a Juventus
Ruggeri: do Boca Juniors para o River Plate
Sol Campbell: do Tottenham para o Arsenal
Batistuta: do River Plate para o Boca Juniors
Romário: Do Vasco para o Flamengo, de volta ao Vasco, depois no Fluminense

Cruyff: do Ajax para o Feyenoord
Caniggia: do River Plate para o Boca Juniors
Hugo Sánchez: do Atlético de Madrid para o Real Madrid
10º Mo Johnston: do Celtic para o Glasgow Rangers
11º Tardelli: da Juventus para a Internazionale
12º Luis Enrique: do Real Madrid para o Barcelona
13º Krancjar: do Dínamo de Zagreb para o Hajduk Split
14º Paul Ince: do West Ham para o Manchester United
15º Laudrup: do Barcelona para o Real Madrid
16º Aldo Serena: do Torino para a Juventus
17º Cáceres: do River Plate para o Boca Juniors
18º Denis Law: do Manchester United para o Manchester City
19º Schüster: do Barcelona para o Real Madrid
20º Gatti: do River Plate para o Boca Juniors


Lembra de algum caso marcante no futebol brasileiro? Escreve aí!

4 comentários:

Robsom Filho disse...

Túlio Maravilha que saio do Goiás e foi pro Vila Nova.

beleza de blog

Fábio Grando disse...

O Túlio "melancia" verde por fora e vermelho por dentro como ele mesmo se define, não foi do Goiás direto pro Vila.

Ele foi revelado em 1987 pelo Goiás e vendido ao Sion da Suiça em 1992, retornou ao Brasil pelo Botafogo em 1994 e depois de rodar o Brasil chegou ao Vila pela primeira vez em 1999.

Mas pela polemica que ele causou em Goiás ele pode ser consideado um belo de um traíra.
=)

Davison Veiga disse...

Dodô:

do Botafogo foi pro palmeiras sem amsi nem menos, depois voltou em 2006, saiu de novo depois que o clubeprecisava dele prair prosemirados árabes,e depois voltou em 2007, e no fim da temporada abandonou o time pela terceria vez pra ir pro fluminense.

Gaston Elias disse...

Edmundo, foi do Vasco pro Porco e vice versa